quarta-feira, 28 de setembro de 2011

"Às vezes é preciso recolher-se…
O coração não quer obedecer, mas alguma vez aquieta; a ansiedade tem pés ligeiros, mas alguma vez resolve sentar-se à beira dessas águas. Ficamos sem falar, sem pensar, sem agir.
É um começo de sabedoria, e dói. Dói controlar o pensamento, dói abafar o sentimento, além de ser doloroso parece pobre, triste e sem sentido.
Amar era tão infinitamente melhor; curtir quem hoje se ausenta era tão imensamente mais rico. Não queremos escutar essa lição da vida, amadurecer parece algo sombrio, definitivo e assustador. Mas às vezes aquietar-se e esperar que o amor do outro nos descubra nesta praia isolada é só o que nos resta.
Entramos no casulo fabricado com tanta dificuldade, e ficamos quase sem sonhar." 



(Lya Luft)

7 comentários:

Luna Sanchez disse...

Mas daí a gente descobre que crescer também é bom, que ganhamos muito com isso, que a vida segue e que temos que acompanhar seu curso.

E assim tudo fica mais fácil.

;)

Beijocas.

-Franci Lopes disse...

Que liindo, aliás tá tudo muiito liindo por aquii viiu'! Ameei as frases e tudo maais.

Beeijo.

Caroline disse...

Saudades de você lá no Coisas Minhas.
Seu blog continua um mimo :)

Martinha disse...

Não é fácil recolher e controlar os sentimentos quando andam em rebuliço dentro de nós.
Gostei do texto! :)

'Lara Mello disse...

Claro, o tempo de antes, com ele, era bem melhor, mas sobrevivemos, e vivemos..

Curti :)

Bianka disse...

Lyaa é demais gente!

16 Amargos disse...

adorei *-*

http://dezesseisamargos.blogspot.com/
@16amargos