sexta-feira, 28 de janeiro de 2011

Esses quilometros que dividem suas mãos das minhas nunca estiveram tão evidentes.




e agora o que eu faço com essa saudade que me mata a cada dia?


Mas uma noite cai, o que fazer?
Tudo faz lembrar você Beijos de mel
Pra que me deste teu céu
Se não podia mais ficar aqui comigo 

9 comentários:

Herick disse...

todo grande amor tem seus problemas, seus empecilhos, TEM SUAS BARREIRAS... a nossa ta sendo essa distancia q com certeza vai acabar mt em breve e vc sabe neh mo? espere,tenha paciencia... TE AMO BEBE... (L)

Andressa Tavares Braga disse...

gente, li o comentário do Herick.
QUE AMOR MAIS LINDO!
paciência.
só quem ama e quem tem certeza do que quer tem esse dom.
Com certeza você é uma! ♥

'Lara Mello disse...

Há.. Com o tempo, vc vai perceber que a saudade não é tão ruim assim! Bju

A menina dona do diário disse...

*-* que bunitinho *-* (a saudade não é muito ruim não... ;)

Pâмєℓℓα Vαsconceℓos disse...

Amei teu blog '-' te eguindo, tá? ;*

Herick disse...

é amor a saudade nao é tao ruim assim :D

Maíra Carvalho disse...

Ah, se não existisse a saudade não existiria o amor, não é? É tão bom saber que aluém tbm sente a nossa falta, e quando a gente gosta de verdade a distância passa a ser um mínimo detalhe... Ah, como eu gostaria de acreditar nessas palavrs...

MAILSON FURTADO disse...

Belo post!

Belo blog!

Gostei muito daqui! Parabéns, voltarei mais vezes...

Convidaria vc a conhecer meu trabalho (poesia, música, teatro)

Ficaria feliz demais!
http://mailsonfurtado.com

MAILSON FURTADO disse...

Belo post!

Belo blog!

Gostei muito daqui! Parabéns, voltarei mais vezes...

Convidaria vc a conhecer meu trabalho (poesia, música, teatro)

Ficaria feliz demais!
http://mailsonfurtado.com