quarta-feira, 3 de agosto de 2011

Sou uma carta gigante, chata, cheia de erros, longa demais, muito complicada. “Chega”, alguém, com preguiça de ler sobre o amor ou sem coração para se emocionar com uma carta, disse. E eu virei bolinha de papel.

Tati B.

10 comentários:

Mundo da Sophia disse...

O bom é ser carta gigante, que tem um conteúdo incrível por dentro. Pode até ter erros, mas sem erros nada se aprende.

Bom dia

Luna Sanchez disse...

Não, não, nããããããoooooooo!!! Bora desamassar já!

=)

Beijoca.

deia.s disse...

Não quero virar bolinha de papel, não mesmo!

Adoro a tati. :)

http://amar-go.blogspot.com/

Letícia disse...

Mas um dia encontrará alguém com paciência para lê-la, e essa pessoa a guardará como o mais precioso tesouro. :D

ireneia vicente disse...

gostei bastante *

- 'Mayara Isis disse...

Que lindo, Tati é perfeita!

Martinha disse...

Que isso nunca te aconteça, linda! :)

'Lara Mello disse...

Que loucura amiga, eu não sei se entendi bem, mas coisas legais não tem acontecido :/

'Lara Mello disse...

Você sumiu, como você estar? Espero que bem e que tudo esteja dando certo :)

Amanda Lemos disse...

Tudo muito interessante por aqui,
Gostei muito mesmo.
E te convido para conhecer meu espaço, caso queira dar uma olhada, seguir..;

http://www.bolgdoano.blogspot.com/

Muito Obrigada, desde já.