domingo, 2 de janeiro de 2011

Dentro dela tem um coração bobo,
que é sempre capaz de amar e de acreditar outra vez.
Uma solidão de artista e um ar sensato de cientista…
tem aquele gosto doce de menina romântica e aquele gosto ácido de mulher moderna.

9 comentários:

Simone Oliveira' disse...

Oii linda, amei o seu cantinho!
Seguindo!!!! Feliz 2011! =)

'Lara Mello disse...

Olha..Esse texto é sua CARA mesmo! Rs..

Sorte!!

carol vasconcelos disse...

acho esse texto minha cara também.
linda foto! :]

Ana & Dane disse...

liiindo o texto e a foto uma fofura *-*' beijinhos, cuide-se ;* feliz 2.011

dear sarah disse...

ela é linda e forte, é mulher-menina

Arianne Carla disse...

Minha flor!
Temos quase a mesma idade, somos de câncer e somos de Recife. E seu blog é um xodó.
Apenas não estou te seguindo no momento por que estou off no blog por motivos orkutiais. ):
Mas passarei aqui mais vezes.

Manuella Monte Santo disse...

Adoro Caio F. Abreu. E essas palavras tem um pouco haver comigo.

Obrigada pela visitinha.

Beijos

Luiz Guilherme disse...

ah que bonitinho...gostei viu...muito legal esse txt..ele tem um pouco de cada mulher.

http://guilg7.blogspot.com/

vlw...

Emi disse...

Que perfeito! *-* Adorei, acho que toda mulher é um tanto quanto paradoxal assim mesmo!
Beijos, flor!