sábado, 20 de novembro de 2010

Sem pensar em nada, sem nenhuma amargura, nenhuma vaga saudade, rejeição, rancor ou melancolia. Nada por dentro e por fora além daquele quase-novembro, daquele sábado, daquele vento, daquele céu azul - daquela não-dor, afinal.


C.F.A


:SSSSS

3 comentários:

Luna Sanchez disse...

A paz.

=)

Um beijo.

ℓυηα

Cat disse...

Que bonito *_*

Só não me pareces muito feliz :S

*

Bárbara Lira disse...

é. tô triste.